Avaliação foi realizada sábado, dia 02 de abril, no Clube Ipiranga. Banca examinadora da Federação foi formada por cinco professores

Quatorze atletas (ver tabela) da Associação Blumenau de Karate/Barão/Arawaza/Norte Shopping/Neumarkt Shopping/Ipiranga/SME Blumenau fizeram, sábado, dia 02 de abril, no Clube Ipiranga, exame de Graduação para Faixa Preta da Federação Catarinense de Karate (FCK). Os praticantes foram avaliados pela banca examinadora da FCK formada por cinco professores de diversas academias do Estado.

Para o professor Vanderlei de Oliveira, que fez exame para 6º Dan, a graduação representa o amadurecimento do aluno na arte marcial. Além disso, segundo ele, é uma etapa do esporte na qual, o praticante demonstra conhecimento e, principalmente segue os princípios da modalidade. “Entre o início, com faixa branca até o exame de graduação para 1º Dan, por exemplo, são anos de aprendizado. A partir do 2º Dan, exige-se conhecimento, estudos e muito treino. O praticante tem de estar muito preparado”, comenta Vanderlei.

Histórias

Dentre os graduados, está o professor Fabiano de Oliveira, aprovado para 5º Dan. Primeiro aluno da ABK, o blumenauense começou no karate há 28 anos. Formado em Educação Física, atualmente, além de dar no Clube Ipiranga, Fabiano faz parte do projeto esportivo da Secretaria Municipal de Esportes de Blumenau. “A graduação para 5º Dan é o início de um novo ciclo dentro do karate. É uma nova etapa para adquirir mais conhecimentos, como também de repassar aos alunos mais novos a importância de ser e chegar a faixa preta”, comenta o técnico da SME Blumenau.

A professora Maike de Oliveira, que fez exame de Graduação para 5º Dan, que há 23 anos começou a praticar karate, define a aprovação, como um momento especial na sua trajetória como carateca. “Um misto de sentimento e de gratidão. Reconheço a tamanha responsabilidade dessa graduação e isso, me motiva ainda mais de continuar buscando novos conhecimentos para transmitir aos meus alunos”, declara a blumenauense.

A também professora Marcia Mafra, que fez exame de Graduação para 3º Dan, diz que a aprovação representa mais uma etapa concluída na sua carreira como carateca. “Esse exame só foi possível após uma pequena pausa nas competições. Agora, o objetivo é se aperfeiçoar ainda mais para atingir nossos passos e repassar esses conhecimentos aos que estejam iniciando no karate”, comenta a professora.

A atleta Gabriela Camargo e a médica MaroneBrazil, por exemplo, fizeram exame para 1º Dan, primeira graduação de Faixa Preta. “Foram meses de estudos e treinos exaustivos. Essa faixa representa mais uma etapa e, principalmente de responsabilidade, que o karate exige aos seus praticantes”, resume Marone. “Já estou ansiosa para chegar ao 2º Dan”, completa.

Participantes

NOME ESTILO GRADUAÇÃO
Vanderlei de Oliveira Shotokan 6º DAN
Fabiano de Oliveira Shotokan 5º DAN
Maike de Oliveira Shotokan 5º DAN
Tarcísio da Silva Shotokan 4º DAN
André da Silva Shotokan 3º DAN
Eduardo Amaral Shotokan 3º DAN
Marcia Mafra Shotokan 3º DAN
Mônica da Silva Shotokan 3º DAN
Adaias Melo Nay Shotokan 1º DAN
André Nunes Shotokan 1º DAN
Daniel Carlos Shotokan 1º DAN
Gabriela Camargo Shotokan 1º DAN
MarluciLunelli Shotokan 1º DAN
MaroneBrazil Shotokan 1º DAN