Com oito bloqueios de Wennder Lopes e a força de sua torcida, decisão ficou para domingo

Teve equilíbrio do início ao fim e 2h14min de batalha, mas a APAN/Eleva superou o Vedacit Vôlei Guarulhos por 3 sets a 2, com parciais de 25/18, 20/25, 16/25, 25/14 e 15/13. O resultado positivo em casa do time catarinense, com apoio de mais de 1.500 torcedores, forçou a realização do terceiro jogo para conhecer o semifinalista da Superliga 1XBet 2021-22. O confronto está programado para domingo, dia 03, às 21h30, em Guarulhos, no Ginásio da Ponte Grande.

Teve equilíbrio e também oscilações por parte dos dois times. No primeiro set, a APAN/Eleva fez valer o fator casa e se impôs. Set onde os dois times protagonizaram 42 segundos de rally, um dos maiores da Superliga até aqui. Nos dois sets seguintes, o time paulista se recuperou e virou o jogo. O cenário mudou nos quarto e os comandados por André Donegá empataram, levando a disputa para o tie-break.

No quinto e decisivo set, a APAN/Eleva fez fazer o fator casa. Chamou a torcida e ela veio com tudo para mudar o placar adverso. A vitória foi construída com 51% de eficiência nas bolas de ataque e contou ainda com o fundamento bloqueio. Foram 17 fechadas de portas da APAN/Eleva, sendo oito delas pelo central Wennder, e apenas oito do Guarulhos.

Wennder foi o maior pontuador da APAN/Eleva, deixando 18 vezes a bola na quadra adversária. Com 10 pontos, o oposto cubano Yordan Bisset foi escolhido para receber o Troféu Viva Vôlei, com votação pelo site da CBV.

Foto: Raphael Guilherme Moser